Igreja Presbiteriana Paulistana
  • A Famlia IPP
  • Spacer
  • Liderana
  • Spacer
  • Galeria
  • Spacer
  • Mensagens
  • Spacer
  • Contato

Mensagem: Familiaridade gera desprezo…

MP3 | Audio:

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Pregador: Dr. Davi Charles Gomes

Mateus 22.1-14

“A pedra que os construtores rejeitaram
essa veio a ser a principal pedra, angular”!

  1. A situação: Jesus fala ao povo da aliança
  1. O ensino: “Quem presume já saber tende a rejeitar o aprendizado…”
  1. A parábola: “O reino dos céus é semelhante…”
    1. Um banquete especial para os convidados “naturais” — celebração
    2. Os convidados “naturais” estão demasiadamente “ocupados” — presunção
    3. O rei então rejeita os convidados “naturais” e convida os “indignos” — graça
    4. O rei, entretanto, ainda demanda que os indignos sejam dignificados – justificação
  1. O Significado:  É muito fácil, e ao mesmo tempo muito perigoso, quando aqueles que são “naturalmente” os candidatos à celebração do Reino ficam tão acostumados com sua situação que desprezam o convite de seu Rei e seguem fazendo suas coisas “naturais”. Ao mesmo tempo, o Rei, não aceitando esse desprezo gerado pela “familiaridade”, oferece seu convite àqueles que naturalmente não pareciam ser os celebrantes desejados.

 “Portanto, vos digo que o reino de Deus vos será tirado e será entregue a um povo que lhe produza os respectivos frutos”. (v. 43)